domingo, 23 de agosto de 2009

MUDANÇA DE HÁBITO

Hoje quero falar de uma coisa muito falada, muito noticiada, mas pouco realizada: a mudança de hábito. Antes de iniciar um projeto de educação ambiental em um local, é preciso encaixar no planejamento uma maneira de pesquisar os hábitos desse público. Esse detalhe é fundamental para que depois de um tempo seja possível analisar se as propostas do projeto surtiram o resultado que era esperado.
Mas... será que fazemos a nossa mudança antes de propor isso aos outros?

Eu fiz uma lista uns anos atrás, é essa que vou postar hoje. Com base em um site, o AKATU , listei bons hábitos e hábitos que precisava melhorar. O bom é que percebi que o que fazia de bom já era o dobro do que poderia melhorar. Isso me motivou a procurar melhorar a cada dia mais, mudar coisas que no final são hábitos cultivados durante muito tempo, que são difíceis de mudar, mas não são impossíveis.

Meus bons hábitos
1-Tomar banhos curtos

2-Fechar a torneira ao escovar os dentes
3-Doar roupas, sapatos e acessórios quando comprar algo novo
4-Sempre que possível dispensar o uso de descartáveis
5-Sempre apagar a luz ao sair dos ambientes
6-Comprar peças em brechós
7-Comprar livros em sebos
8-Utilizar o máximo possível a luz do sol para iluminar os ambientes
9-Aproveitar bem os alimentos frescos incluindo sempre que possível casca, talo e folhas
10-Comer carne no máximo uma vez por semana
11-Usar a vassoura e balde ao invés de mangueira
12-Utilizar folha de papel imprimindo dos dois lados
13-Evitar mercadorias com muitas embalagens
14-Reaproveitar alimentos transformando-os em sopas, caldos ou bolinhos
15-Separar corretamente o lixo para reciclagem
16-Usar a água da lavagem de roupa para lavar o quintal
17-Lavar roupa aproveitando a carga máxima da máquina
18-Passar a roupa uma vez por semana


O que preciso melhorar
1-Usar menos papel toalha e guardanapo de papel
2-Fazer revisão do carro para garantir menor poluição ao ar
3-Preferir embalagens retornáveis
4-Abrir menos a geladeira e o freezer
5-Consumir menos alimentos industrializados e mais alimentos orgânicos
6-Trocar o restante das lâmpadas da casa de incandescentes por fluorescente
7-Utilizar menos o carro, andar a pé
8-Usar menos o ar condicionado do carro
9-Usar menos produtos de limpeza

Então, hoje venho fazer uma proposta: Vamos analisar os nossos hábitos, o que já fazemos de bom e o que podemos, de fato, melhorar? Eu já venci até minha mania por sapatos (que achava impossível), há seis meses que não compro nem um chinelinho,rs!!!

4 comentários:

Taís Vinha disse...

Hegli, que boa idéia estas listas! Vou fazer as minhas tb. É uma ótima reflexão. Incrível como nos últimos ano mudei tantos hábitos na minha vida. E são mudanças definitivas. Não vejo volta. O melhor é que nada faz falta. O bom é quando é assim, transformação e não modismo.

Tenho um pouco de medo dessa coisa de sustentabilidade e consumo consciente ficar over e as pessoas voltarem à doce vida inconsequente do consumo irrefreado. A coisa só pega quando é mesmo interiorizada e não apenas modismo. Bjs!

Renata (impermeável a) disse...

tenho muitos hábitos horriveis.....
mas.... para algumas sou uma moça do bem.

comer brigadeiro na colher...rs

tomar banhos demoradossssssss....
srsr



adorei post.

Hegli disse...

Sim, fazer a lista remete fazermos a tal da reflexão, onde acontece a bendita da conscientização, que é um tête-à-tête com a nossa própria consciência. É só assim que eu acredito que o “conscientizar” acontece.
Nada de atividade de pintura, trilha, ameaça... tem que ser uma ação que faça a gente parar e pensar de verdade, aquela verdade que faz você ter vergonha de voltar atrás depois de saber o que seu juiz interno (chamado ética) já deu o veredicto.
E eu acho difícil a sustentabilidade e o consumo consciente ser modismo apenas. Não há como voltar atrás, não há tempo pra isso...não há matéria prima pra isso.
Não desanima companheira risoteira, please!!!
Bjus
Hegli

Hegli disse...

AAAAAAAAAAIIIIIIII
Re, não faz isso comigo amiga...
Banhos demorados? Chegaaaaa!
Faz sua listinha também sua danada.
Bjus